quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

ACIDENTE ENTRE KM 17 E PERITORÓ NO MARANHÃO

Do blog do Alberto

No começo da noite desta quarta-feira aconteceu mais um acidente na BR 316 no Povoado São João das Neves entre o KM 17 e Peritoró.

Uma ambulância que saiu de Teresina para Pedreiras capotou com quatro pessoas, sendo três de uma mesma família (Dois irmãos e a Mãe) Luciana Galêno de aproximadamente 60 anos de idade genitora dos outros dois passageiros morreu na hora. Um dos filhos que estava em tratamento na capital piauiense e o motorista do veiculo foram levados para o Hospital Regional de Peritoró.

O outro filho em estado de choque, mas com apenas alguns arranhões ao lado do corpo da Mãe contou que o motorista da ambulância dirigia em alta velocidade e sobrou em uma curva acentuada da BR perdendo o controle do veiculo.




EM CALDAS NOVAS: CARNAVAL COM MENINGITE

MAMÃE NÃO QUERO ,MAMÃE NÃO QUERO
MAMÃE NÃO QUERO PEGAR
A MENINGITE A MENINGITE
A MENINGITE EU NÃO QUERO PEGAR

 Postado no Facebook no dia 25/01;2015 por Neue Ordnung

JOVEM FAZEM VÍDEO EM CARRO DA POLICIA DE GOIÁS E POSTAM NO YOU TUBE E VÃO PARAR NA DELEGACIA

Uma brincadeira no mínimo sem noção terminou mal para três funcionários de um lava jato de Jataí.
No final da manhã desta quinta-feira (29), três jovens foram identificados e encaminhados à delegacia da policia civil de Jataí para explicar um vídeo gravado em uma viatura policial do CPT, no vídeo dois jovens aparecem tirando onda na viatura policial, o jovem que dirigia a viatura brinca “- Primeira vez que nós vai no banco da frente”. O vídeo se espalhou pelas redes sociais.
Segundo O Tenente Coronel Major David Pires a viatura havia sido deixada no lava jato, e os jovens aproveitaram a ocasião para gravar o vídeo. O major disse que o caso será investigado para se tomar as providencias cabível.

O QUE OS ISRAELENSE FAZEM COM O POVO PALESTINO É PIOR DO QUE OS NAZISTA FIZERAM COM OS JUDEUS NO PASSADO

O intelectual Leonardo Boff, um dos mais conhecidos teólogos do Brasil, concedeu umaimportante entrevista ao portal sul 21, em que aborda o massacre na Faixa de Gaza, que já deixou mais de mil mortos desde o seu início, há vinte dias. Segundo ele, embora tenha sido vítima do nazismo, Israel hoje adota os mesmos métodos. E Gaza, diz ele, é um imenso “campo de concentração”.
CRIANÇA PALESTINA VÍTIMA DOS TERRORISTAS  DE ISRAEL

Na entrevista, ele responsabiliza diretamente os Estados Unidos pelo conflito. “Eu acho que grande parte da culpa é do Obama, que é um criminoso. Porque nenhum ataque com drones (avião não tripulado) pode ser feito sem licença pessoal dele. Estão usando todo tipo de armas de destruição, fecharam Gaza totalmente, ficou um campo de concentração, e vão destruindo. Então eles têm um país que foi vítima do nazismo e utiliza os métodos do nazismo para criar vítimas. Essa é a grande contradição”, diz Boff.
O teólogo menciona ainda a força do sionismo nos Estados Unidos. “Os Estados Unidos apoiam, o Obama e todos os presidentes são vítimas do grande lobby judeu, que tem dois braços: o braço dos grandes bancos e o braço da mídia. Eles têm um poder enorme em cima dos presidentes, que não querem se indispor e seguem o que dizem esses judeus radicais, extremistas e que se uniram à direita religiosa cristã. Isso está aliado a um presidente como Obama que não tem senso humanitário mínimo, compaixão para dizer ‘acabem a matança'”, diz ele
Segundo Boff, apenas uma pessoa teria autoridade para conduzir o processo de paz: o papa Francisco. “Esse Papa é absolutamente contemporâneo e necessário. Acho que é o único líder mundial que tem audiência e eventualmente poderia mediar essa guerra de massacre criminosa que Israel está movendo contra Gaza.”
Ele também falou sobre as eleições presidenciais deste ano no Brasil. “Mesmo com todos os defeitos e violações de ética que houve, erros que o PT cometeu, ainda assim o projeto deles é o mais adequado para levar adiante um avanço. Agora se for ganhar para avançar, porque se for para reproduzir dá no mesmo do que outro ganhar.”
Fonte: http://www.pragmatismopolitico.com.br


O Estado de Israel repete com os palestinos o sofrimento judeu nas mãos dos nazistas


Quando observamos hoje o conflito entre israelenses e palestinos, é inevitável não lembrar do que os judeus sofreram nos campos de concentração nazistas.Vem à mente as torturas, o sofrimento e as mortes. O nazismo de Adolf Hitler impôs aos judeus uma grande perseguição, e, por fim, a solução final ou Holocausto, que tinha como objetivo eliminar todos os judeus.
Durante o governo nazista na Alemanha foram mortos seis milhões de judeus, sobretudo durante a Segunda Guerra Mundial (1939 – 1945). Judeus eram tratados como lixo e deveriam ser extintos, segundo os nazistas. Ao massacrar palestinos e tentar tomar para si todo o seu território, o governo israelense age da mesma forma que os nacionais socialistas (nazistas) alemães. As teorias ultraconservadoras e direitistas dos nazistas podem ser comparadas ao comportamento de considerável parcela da população de Israel, também de tendências ultradireitistas.
Analisando friamente os dois casos pode – se chegar à conclusão de que os israelenses (judeus) implicam aos palestinos, nos dias atuais, o mesmo que passarão outrora nas mãos dos nazistas. O antissemitismo propagado pelos nazistas  não serviu de exemplo para os que comandam o Estado de Israel. O paralelo existente entre o sionismo e a Alemanha nazista é de que tanto Hitler quanto o Estado israelense possuem grandes arsenais bélicos e implicam aos seus inimigos a dominação pelo uso da força. Os nazistas exterminaram os judeus. Agora, o Estado de Israel faz o mesmo com os palestinos, dando aos seus inimigos o amargo gosto que foi sentido pelos judeus.
Hoje e desde sua fundação Israel se especializou em impor aos palestinos perseguição e sofrimento tal como o ocorrido nos ”Centros da Morte” nazistas. Israel, na verdade, reproduz contra os palestinos aquilo que o povo judeu conhece bem desde os tempos bíblicos: o medo, a dor e a morte. No entanto, os inquiridos judeus se tornaram inquisidores.
Em nenhum momento quero justificar o comportamento dos extremistas palestinos, hoje representados pelo Hamas, que também causam muito mal aos israelenses.
Texto: Carlos Henrique Pimenta
ISRAEL NÃO É DIFERENTE DOS NAZISTAS




PASTOR DA ASSEMBLÉIA DE DEUS PRESO COM ARMAS, MUNIÇÕES, DINHEIRO, OBJETOS, JÓIAS E MACONHA

Márcio Wibert Ribeiro da Silva, de 35 anos, assim foi identificado o “pastor” preso na tarde desta quarta-feira 28/01. Com ele a polícia encontrou uma pistola calibre 380 com 14 munições intactas e uma grande R$ 10.000(dez mil reais), além de vários objetos, jóias e um papelote de maconha.
Por volta das 16h foi repassado pelo Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops) para a viatura que realiza ronda policial no bairro da Pirâmide que havia uma Hilux SW4, de placa NWV-0008, em atitude suspeita na rua da Alegria, e que a placa do veículo constatava ser de uma moto roubada.
Logo as guarnições lideradas pelos soldados Dos Anjos, Da Silva, Nayro e Sargento Maurício foram acionadas para reforço. Ao chegar ao local, as viaturas identificaram o Pastor Márcio Wibert Ribeiro da Silva como proprietário do carro.
Após ser realizada uma consulta ao CIOPS constatamos que a placa era “fria” e pertencia a uma moto roubada (Suzuku en125 yes ano 2010/2011- azul – Paço do Lumiar- MA).
Márcio Wibert pediu para “negociar” com a guarnição oferendo o valor de R$ 10.000(dez mil), o suborno foi recusado e dado a voz de prisão ao “pastor”, que segundo ele é membro da Igreja Assembleia de Deus localizada no bairro do Cohatrac em São Luís.
O “pastor” Márcio Wibert prestou depoimento na Delegacia de Raposa e foi conduzido para o centro de triagem no Complexo de Pedrinhas, onde ficará a disposição da Justiça.

Ainda não se sabe o que o “pastor” fazia em Raposa com tantos apetrechos…

Pastor, a casa caiu!

Muito dinheiro e armas

Carro de Luxo do Pastor

Fonte: http://www.blogdolobao.net

TAXISTA É ASSALTADO NA REGIÃO CENTRAL DE CURITIBA


De meias,  foi assim que um taxista ficou após um assalto. Ele foi uma das vítimas de um casal na madrugada desta quinta-feira (29) na região central de Curitiba.
Além de levar os tênis, o casal roubou o extintor de incêndio padrão ABC, dinheiro, celulares e documentos do taxista.
Ronaldo Costa conta que em 25 anos de profissão foi a primeira vez que foi assaltado.
Ele relatou que o casal o abordou no ponto de táxi na Travessa Nestor de Castro na região central de Curitiba e pediu uma corrida até o São Francisco. No caminho eles deram voz de assalto. O casal foi extremamente violento e após o assalto pode ter fugido em um Peugeot prata.
Outros dois taxistas foram vítimas do mesmo casal na madrugada.
Até o momento eles não foram localizados.

AUTORES DE CRIME BRUTAL FORAM PRESOS EM MORRINHOS, ESTADO DE GOIÁS

Os autores da morte do jovem João Chaves Neto de 22 anos que foi brutalmente assassinado nessa última semana foram presos nesta quinta-feira (29) em Morrinhos (128 km de Goiânia). As investigações apontaram que Waleff Henrique Menezes dos Santos de 19 anos, juntamente com Valdineio Santos Ferreira de 32 anos tramaram uma armadilha criminosa e se deslocaram para a cidade de Piracanjuba, onde a vítima foi abordada e levada para a cidade de Morrinhos. A vítima e Waleff Henrique Menezes dos Santos tiveram um relacionamento amoroso e inconformado com o término da relação Waleff chegou a ameaçar João Neto de morte. Para se vingar furtou os pertences da vítima em sua residência em Piracanjuba, no dia 27 de dezembro do ano passado e no último dia 21 de janeiro deste ano resolveu roubar o veículo da vítima e matá-lo. Tudo aconteceu quando os autores se deslocaram para a cidade de Piracanjuba. Na ocasião Waleff marcou um encontro com o jovem e após se encontrarem Waleff pediu para que a vítima o levasse para a saída da cidade afirmando que um familiar estaria o esperando. Sem desconfiar das intenções criminosas João Neto o levou próximo ao Leilão de Piracanjuba e lá foi abordado por Valdineio que já os aguardava. Valdineio deu voz de um suposto assalto para a vítima e o fez descer do carro juntamente com Waleff e nisso os dois passaram a agredir o jovem com golpes na cabeça com o macaco do veículo, fazendo com que a vítima caísse ao solo.
Em seguida os dois autores colocaram a vítima desacordada dentro do porta-malas do veículo e seguiram para a cidade de Morrinhos onde o corpo de João foi abandonado em uma estrada vicinal conhecida como estrada do SIM. Ainda no local tomaram a decisão de atear fogo no corpo da vítima e no carro ,pois o veículo estaria danificado e não serviria para ser vendido. Na manhã de quinta-feira, dia 22 de janeiro, o veículo foi encontrado queimado e no dia seguinte o corpo de João Neto foi localizado às margens da estrada parcialmente carbonizado. As investigações chegaram ao fim durante essa madrugada com a prisão dos acusados. Foi encontrado na residência de um dos assassinos roupas com manchas de sangue utilizadas na data do crime e objetos roubados da vítima. A investigação foi concluída com êxito devido aos esforços de todos os policiais da Delegacia de Polícia Civil de Morrinhos que se empenharam na busca dos autores deste homicídio que chocou moradores de toda a região.


quarta-feira, 28 de janeiro de 2015

MP requer bloqueio de bens de responsáveis por desvio de mais de R$ 300 mil da merenda escolar

A promotora de Justiça Villis Marra Gomes propôs ação civil por improbidade administrativa contra três pessoas envolvidas no desvio de verbas destinadas ao Conselho Escolar do Colégio Estadual Professora Olga Mansur. A unidade fica na Rua C-243, n° 10, Vila Monticelli, em Goiânia. 
Em caráter liminar é requerido o bloqueio de bens no valor de R$ 314.486,83, em contas bancárias ou aplicações financeiras da ex-coordenadora da merenda e presidente do Conselho Escolar, Fátima Vaz dos Santos Silva, da tesoureira do Conselho, Gercina Inácio Alves de Menezes, e de Edson Marcos Soares Júnior, filho de Fátima e também beneficiado pelos desvios.
Conforme apurado em inquérito civil público instaurado pelo MP-GO, os alunos da escola chegaram a ficar 12 dias, no final de outubro e início de novembro de 2013, sem merenda escolar devido ao desfalque provocado por Fátima Santos. Ela, como presidente do Conselho Escolar, era a responsável pelo pagamento das despesas referentes à merenda e outras, como reforma da unidade e a compra de produtos de limpeza e demais materiais de uso para a escola.
Contudo, ela usou os cheques, que eram também assinados pela tesoureira Gercina de Menezes, para cobrir despesas pessoais. Para isso, ela depositava os cheques na conta de seu filho, Edson Júnior.
Segundo apurado pelo MP, ao perceber a situação de total suspensão da merenda escolar, a diretora da unidade procurou Fátima Vaz, que alegou dificuldades pessoais, em razão de doença na família e disse que iria ao Maranhão resolver estes problemas, podendo conversar com a diretora somente após seu retorno. No entanto, após a viagem, quando a diretora novamente procurou Fátima para esclarecimentos sobre a situação, ela alegou que precisava ir em casa fazer o almoço, mas nunca mais retornou à escola.
Após descoberta da fraude, apurou-se que já não havia mais saldo em nenhuma das cinco contas do Conselho Escolar. Fátima, que é professora concursada da Secretaria Estadual de Educação, não foi ainda localizada. 
Na apuração foi constatado que Fátima chegou a alugar um veículo para ir à praia no Maranhão, com o dinheiro do Conselho, entre outros atos ilegais. “Não há dúvidas de que os réus infringiram os princípios da administração pública insculpidos pela Lei de Improbidade Administrativa e Constituição Federal, os princípios da legalidade e da moralidade”, afirmou a promotora.
No mérito da ação é pedida a condenação dos acusados nas sanções do artigo 12 da Lei de Improbidade Administrativa, que prevê ressarcimento integral do dano, perda da função pública, suspensão dos direitos políticos, pagamento de multa civil e proibição de contratar com o poder público. (Texto: Cristina Rosa / Assessoria de Comunicação Social do MP-GO - foto: Banco de imagem)

VIOLÊNCIA TOMOU CONTA DO ESTADO DE GOIÁS E AS AÇÕES DO GOVERNADOR SÃO INOPERANTE

Dados da 5ª edição do Índice de Homicídios na Adolescência (IHA), divulgado pela Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República (SDH/PR), nesta quarta-feira (28), mostram que Goiás ficou na 7ª posição do ranking, que reúne dados de 26 estados brasileiros e do Distrito Federal. Segundo o estudo, em 2012, o estado teve índice de 4,82 mortes para cada mil adolescentes.

O IHA estima o risco de adolescentes de 12 anos a 19 anos serem assassinados antes de completarem seu 19º aniversário nos municípios brasileiros com mais de 100 mil habitantes. No levantamento sobre as capitais,Goiânia aparece na 10ª posição, com IHA de 3,84.

Ainda de acordo com o estudo, três cidades localizadas no Entorno do Distrito Federal registram incidência elevada de violência letal contra menores, com IHA acima de 6. São elas: Águas Lindas de GoiásValparaíso de Goiás e Luziânia.
Outras cidades, como Aparecida de Goiânia, na Região Metropolitana da capital; Rio Verde, no sudoeste do estado e Formosa, também no Entorno do DF, figuram com índices na faixa do IHA entre 4 e 6.

Professora de sociologia da Universidade Federal de Goiás (UFG) e do Instituto de Pós-Graduação de Goiânia (Ipog), Michele Cunha Franco, cuja tese de doutorado estudou as causas de homicídios, afirmou ao G1 que os dados mostram que as "mortes violentas contra adolescentes no Brasil são consideradas epidêmicas e alarmantes".


"Se analisarmos os dados, vemos que as cidades goianas que registraram a maior incidência de mortes são a capital e as cidades do Entorno do Distrito Federal, onde houve um crescimento populacional desordenado e os serviços básicos, que devem ser prestados pelas administrações públicas, como saúde, educação e emprego, não acompanharam o mesmo ritmo. Sendo assim, a população fica sem oportunidades de uma vida melhor e isso reflete diretamente no crescimento dos índices de criminalidade", afirmou.

Segundo a socióloga, a questão da violência entre adolescentes está diretamente ligada à falta de políticas públicas para a faixa etária. "Essa questão acaba criando uma situação explosiva, já que sem uma boa educação, condições dignas de saúde e de trabalho, os jovens são mais vulneráveis a buscar caminhos de enriquecimento mais rápido, como o tráfico de drogas, por exemplo. No entanto, nesta cultura, os conflitos são resolvidos por meio do uso da violência. Isso faz com que o número de adolescentes mortos seja cada vez maior, não apenas por aqui, mas em todo o país e em todos aqueles que estão em desenvolvimento".
Michele ressaltou, ainda, que o tráfico de drogas não pode ser apontado como o único causador de mortes de adolescentes."No meu estudo de doutorado, constantei que muitos jovens buscam caminhos violentos para resolver seus conflitos e para se impor perante a sociedade. Isso exatamente porque eles não tiveram a criação de valores que prezem por uma sociedade justa. Neste ponto, a educação e as políticas públicas, englobando saúde, emprego, etc, são fundamentais para reverter esse quadro. Como diz o sociólogo José de Souza Martins, 'não podemos colher aquilo que a gente não plantou'", concluiu.
Em nota a Secretaria da Segurança Pública e Administração Penitenciária de Goiás (SSP-GO) afirma que o estudo traz metodologias que aproximam os números apresentados à realidade vivenciada pelo estado. Entretanto, faz a ressalva de que um “fator que pode gerar distorção é que o índice calcula taxas apenas dos municípios com mais de 100 mil habitantes e as projeta para todo o estado”.
Ainda segundo o comunicado, a SSP concorda com o estudo e também com a socióloga, afirmando que “o combate à criminalidade, em especial em relação à populações mais vulneráveis, como jovens e negros de baixa renda, carece de política públicas e sociais em várias áreas, como educação, saúde e emprego”.
A secretaria reconhece que a situação da criminalidade e da violência preocupa todo o país e que tem implantado políticas públicas consistentes ao longo dos últimos anos, como a ampliação em cerca de 30% nos efetivos das polícias e construção de novas unidades prisionais. Além disso, estão sendo feitos investimentos em inteligência, aquisição de armamento e renovação constante da frota de viaturas.

Por fim, a SSP afirma que esses esforços estão apresentando resultados, com a redução de 1,67% na taxa de homicídios no estado. Em Goiânia, houve estabilização no último ano. Já no Entorno do Distrito Federal, há dois anos consecutivos ocorrem significativa queda na taxa de assassinatos por 100 mil habitantes.

Ex-Prefeito de Caldas Novas denuncia criação de fake e afirma que talvez seja de alguém que foi expulso a bala de Piracamjuba

Esse aqui ouvi dizer que é um ex famoso radialista, continua no rádio, más sem credibilidade, afinal blindou atual administração e ainda recebe sem trabalhar, hoje seu cargo oficial é a criação de perfis falsos no Facebook, para tentar denegrir a imagem de cidadãos que lutam em prol do crescimento de Caldas Novas.
O Ex famoso que de fama mesmo só herdou os inúmeros cheques sem fundos no comercio de Caldas Novas, depois foi para o exterior e voltou para Caldas Novas, foi expulso quase a bala de Piracamjuba por aliciar um menino de um fazendeiro com menos de 14 anos.
.
Quem será?